FHOMUV

Você sabia?
Imprimir Email

Institucional

Orientações e Informações à clientes e acompanhantes

por Fhomuv

28/09/2016 17:17

Orientações e Informações à Clientes e Acompanhantes

As informações abaixo lhe serão úteis durante a sua permanência em nosso Hospital.
Em caso de dúvidas, nosso Serviço de Atendimento ao Cliente está à disposição para lhe atender: (35)3690-1025 ou pelo formulário de contato.
Esperamos que perceba o quanto você é importante para nós.
Obrigado(a) por confiar em nossa equipe!!!

Que informações você procura?

 

Internação

Transferência para UTI

Óbito

Acompanhantes e Visitantes

Normas para visitas

Procedimento de alta

Procedimentos de consultas na ortopedia

Procedimentos de consultas no centro de oncologia

Procedimentos no pronto atendimento

Custo do tratamento

 

Internação:

A internação do cliente só pode ser efetuada sob a responsabilidade de um médico legalmente habilitado e que faça parte do Corpo Clínico do Hospital.
O cliente, juntamente com o seu responsável, deve apresentar-se a Recepção Principal.

Endereço: RECEPÇÃO PRINCIPAL – Rua Presidente Tancredo Neves, nº 500 – Bairro Bom Pastor – Varginha/MG

Tel.: (35)3690.1001

Internação SUS:

Documentação necessária:

  • Laudo de AIH – Autorização de Internação Hospitalar – guia, devidamente autorizada (pela Secretaria de Saúde da cidade de origem e pela Secretaria de Saúde de Varginha);
  • Pedido de internação do médico;
  • Prescrição médica;
  • Avaliação pré-anestésica – em caso de internação para cirurgia
  • Cartão SUS
  • Identidade do cliente/acompanhante
  • CPF do cliente/acompanhante

Roupa íntima e objetos pessoais devem ser trazidos de casa, para maior conforto e privacidade.

Internação de Urgência:

São encaminhadas pelo Pronto Atendimento, após avaliação da equipe de plantonistas; pela UPA (Unidade de Pronto Atendimento) e outros municípios por hospital público ou conveniado com SUS, a vaga é solicitada através do SUS Fácil “Central de Internação”, para a transferência do paciente. O caso vai ser analisado pelos médicos reguladores da Central que, constatado a necessidade, autorizam o hospital em que há vagas a receber o paciente. A Central é responsável em monitorar as vagas de cada cidade e autorizar o tratamento. Nesse caso também é necessária a TFD. O pedido vai ser analisado pelos médicos reguladores da Central que autorizam a vinda do paciente para a instituição em que há vagas.
Após confirmação da vaga o responsável pelo paciente deverá apresentar-se na Recepção Principal com todos os seus documentos e documentos do cliente (ler em: INTERNAÇÃO).
Não serão fornecidas informações por telefone, somente o Médico Assistente poderá oferecer informações sobre o quadro clínico, programa de tratamento, previsão de alta e esclarecer outras dúvidas.

 

Transferência Para o UTI:

O SUS não dá cobertura ao acompanhante para uso de acomodação quando o cliente está no UTI. Portanto, em caso de transferência, o quarto deverá ser desocupado assim que o cliente for transferido.

 

Óbito:

Logo que for constatado o óbito, a Enfermagem preparará o corpo que imediatamente será encaminhado ao necrotério para aguardar demais providências dos familiares.
A declaração de óbito será liberada somente após o preenchimento pela Recepção, mediante a documentação de identificação do falecido (RG, CPF, Carteira de Trabalho e Certidão de Casamento ou Nascimento) e do responsável.
A funerária só poderá retirar o corpo com autorização da Recepção Principal.

 

Instruções aos Acompanhantes e Visitantes:

 

  • É permitido acompanhantes para maiores de 60 anos e menores de 18 anos. Decreto Lei n°8842 de 04/01/94 – a partir de 60anos e Lei 8069/ECA de 13/07/90-menores de 18anos, exceto com autorização médica por escrito;
  • É permitido apenas 01 (um) acompanhante por vez ao lado do cliente;
  • A troca só poderá ser feita às 07:00, 15:00 e 19:00 horas;
  • Não estar trajando roupas inadequadas (sem camisa, roupas transparentes, minissaia, decote avantajado, bermuda, camiseta sem manga etc) e calçados abertos (chinelos, sandálias);
  • Para preservar a segurança de todos, nenhum visitante ou acompanhante pode circular pelo hospital sem o crachá; Use o crachá de acompanhante sempre preso na roupa, à altura do peito, em local bem visível. Em caso de perda comunique imediatamente a Recepção Principal;
  • Deixe o crachá de acompanhante (na Recepção) sempre que sair do Hospital;
  • Comunique à Enfermagem quando entrar e sair do quarto;
  • O acompanhante deverá ser maior de idade e ter condições físicas e emocionais para assumir essa função;
  • Lave as mãos antes e depois de tocar no cliente;
  • Para manuseá-lo, você deverá ter autorização e orientação da Enfermagem;
  • Jamais sente nas camas dos clientes. Não utilize leitos vagos;
  • Não use vasilha, roupa, cobertor ou copo do cliente;
  • A sua higiene pessoal é muito importante para evitar contaminações!;
  • O acompanhante deverá ficar no quarto com o cliente, evitando circular nos corredores e/ou visitar outros clientes para não transmitir infecção;
  • Caminhe lentamente nos corredores e escadas, procurando não fazer barulho ou incomodar os demais clientes internados;
  • Procure falar baixo, com descrição;
  • Ao cumprimentar o cliente, evite dar-lhe a mão. Acene ou incline a cabeça. Mantenha certa distância do cliente. Seja prudente!;
  • Evite mencionar assuntos que possam abater o ânimo do cliente. Fale de assuntos alegres, amenos, agradáveis – fale de sua recuperação;
  • As visitas não devem ser feitas pela manhã. Nesse período os Médicos e a Enfermagem dedicam-se aos clientes, os exames são realizados, é feita a limpeza e servido o almoço;
  • Concentre-se na satisfação e distração do cliente. Informações sobre seu estado de saúde devem ser solicitadas ao Médico Assistente, de preferência fora do quarto.
  • Não coloque roupas para secarem nas janelas;
  • Roupa íntima e objetos pessoais devem ser trazidos de casa, para maior conforto e privacidade as roupas devem ser discretas (nem transparentes ou curtas);
  • Jamais FUME dentro das instalações do Hospital (art. 4° da Portaria 731 de 31/05/90);
  • Pessoas doentes, com infecção, gripe não podem ser acompanhantes;
  • Não permitimos a entrada de alimentos (comidas e bebidas) nem para clientes, nem para acompanhantes; As refeições dos clientes são servidas de acordo com as prescrições médicas, por isto, alguns clientes necessitam de dietas especiais com restrição à alguns alimentos e condimentos. Portanto, não é permitido oferecer ao cliente dieta diferente da prescrita e oferecida pelo Hospital;
  • As refeições serão servidas para acompanhantes de clientes menores de 18anos e maiores de 60anos.
  • Temos um telefone público dentro do Hospital, próximo à Recepção;
  • Não traga flores para clientes internados. Elas podem transportar bactérias e microorganismos.
  • Em caso de dúvidas procure por um dos colaboradores, o bom atendimento faz parte de sua formação;
  • Obedeça as regras do Hospital Bom Pastor, colabore para que elas sejam cumpridas, principalmente quanto aos horários de visitas e quanto ao número possível de visitantes.

 

Normas para Visitas:

 

O HOSPITAL BOM PASTOR deseja que na internação de nosso cliente, os seus familiares e amigos possam acompanhar seu atendimento e visitá-lo, porém sem prejuízo do tratamento ou da rotina hospitalar. Para tanto, sugerimos especial atenção aos seguintes procedimentos:

  • Idade mínima para entrada de visitantes: igual ou superior a 12 anos;
  • UTI – Diariamente à partir de 14:30 horas e de Segunda a Sexta-Feira também às 20:30 – limitado a 02 pessoas.
  • SUS: Diariamente de 15:00 às 16:00 (revezamento de um visitante de cada vez, por cliente);
  • O local de entrada para visitas é através da Recepção da Ortopedia;
  • Observação Pronto Atendimento: Diariamente de 15:30 às 16:00 e das 20:30 às 21:00h (revezamento de um visitante de cada vez, por cliente);

 

Alta Hospitalar:

O processo é iniciado a partir da alta clínica fornecida por escrito pelo Médico Assistente e consumado após a liberação da Enfermagem, quando são concluídos os procedimentos técnicos e administrativos.
O cliente deverá aguardar o processo em seu quarto. Ao sair de alta, deverá entregar o formulário de alta (entregue pela Equipe de Enfermagem) à Recepção Principal.
Lembre-se de pedir a Equipe de Enfermagem todos os exames do cliente e certifique-se que não está deixando nenhum pertence no quarto.
NÃO PODEMOS NOS RESPONSABILIZAR POR SEUS BENS E VALORES, POIS O AMBIENTE HOSPITALAR ENVOLVE MUITAS PESSOAS E MUITA MOVIMENTAÇÃO DO CLIENTE.

 

Ambulatório Ortopedia:

Endereço: AMBULATÓRIO ORTOPEDIA – Rua Presidente Tancredo Neves, nº 500 (Entrada pelo estacionamento do Pronto Atendimento, ao lado Hemodiálise) – Bairro Bom Pastor – Varginha/MG

 

  • O Ambulatório de Ortopedia é exclusivo para os clientes de Varginha (munícipes);
  • Serão atendidos casos de FRATURA, LUXAÇÃO, ENTORSES e CONTUSÃO ;
  • Os atendimentos são realizados no horário 07:00 às 12:00horas (segunda à sexta-feira), exceto feriados, sendo que os atendimentos de urgência serão feitos no Pronto Atendimento;
  • Para os atendimentos são distribuídas 30 senhas. Os casos que ultrapassarem o limite das senhas, serão avaliados pelo médico de plantão;
  • Os clientes deverão apresentar:
  1. Encaminhamento Médico (Pronto Atendimento ou Policlínicas)
  2. Documento de Identidade
  3. Cartão SUS
  4. Comprovante de residência
  • Os retornos aleatórios poderão ser feitos por outro Médico Ortopedista, que não tenha dado o primeiro atendimento;
  • Em alguns casos, o Médico poderá se ausentar, para atendimento de urgências e emergências. Os clientes deverão aguardá-lo e especificamente neste caso, haverá prolongamento nos horários de atendimento;

Solicitamos aos clientes colaboração e compreensão, estamos trabalhando para melhor atendê-los.

Fonte: POP- Recepção Ortopedia – Ambulatório Ortopedia/2010

 

Ambulatório Centro de Oncologia:

O Hospital Bom Pastor – FHOMUV oferece consultas ambulatoriais oncológicas em diversas especialidades, pelo Sistema Único de Saúde (SUS). Por ano, a instituição realiza em média 22467 mil atendimentos e procedimentos em oncologia. Esse número é resultado de consultas pré-agendadas em diferentes especialidades oncológicas, realizadas em ambulatórios clínicos e ambulatórios cirúrgicos; procedimentos: Braquiterapia, Quimioterapia e Radioterapia.

Para marcar a primeira consulta no Centro de Oncologia é necessário que o cliente procure a Secretaria de Saúde de seu Município, para que se envie através de fax sua biópsia e o encaminhamento médico ou o T.F.D.

Os exames passarão por uma avaliação da Equipe Médica para que se encaminhe o cliente para a especialidade mais adequada ao seu caso, esta avaliação geralmente é feita às quintas-feiras.
Em seguida a Secretaria de Saúde de origem do cliente entra em contato, para que possamos agendar a primeira consulta (o horário para marcação das consultas é de 13hs às 16hs nos telefones 3690-1036 ou 3690-1037).

Endereço CENTRO DE ONCOLOGIA: Rua Presidente Tancredo Neves, nº 500 (abaixo Laboratório Municipal) – Bairro: Bom Pastor / Varginha-MG

No dia agendado para consulta, o cliente obrigatoriamente deverá trazer cópia dos seguintes documentos:

 

  • CPF
  • Carteira de Identidade
  • Cartão Nacional do SUS, Comprovante de Residência
  • Exames
  • Encaminhamento médico ou T.F.D.

É imprescindível o resultado da Biópsia para a avaliação e marcação da consulta.

 

Pronto Atendimento – URGÊNCIA E EMERGÊNCIA:

O Pronto Atendimento da FHOMUV – Hospital Bom Pastor, presta assistência a 124 mil habitantes da cidade de Varginha, e aproximadamente 61 mil habitantes das cidades vizinhas referenciadas (Cordislândia, Elói Mendes, Monsenhor Paulo e São Gonçalo do Sapucaí) durante plantões nas 24 horas.
Realizamos cerca de 10 mil atendimentos por mês. Dispomos de sala de Observação Masculina, Observação Feminina, Sala de Pediatria, Sala de Emergência, Sala de Curativo, Sala de Inalação, Sala de Medicação, Consultórios Médicos e Farmácia Satélite.
De acordo com a portaria n° 2048, de 05 de Novembro de 2002, o Ministério da Saúde, no uso de suas atribuições legais, aprova o Regulamento técnico dos Sistemas Estaduais de Urgência e Emergência, caracterizando-as clinicamente:

  • Crise Asmática;
  • Infecções Respiratórias Agudas
  • Edema Agudo de Pulmão;
  • Crise Hipertensiva;
  • Corpo Estranho (introdução ou ingestão);
  • Convulsão;
  • Febre Alta;
  • Fraturas (qualquer tipo);
  • Traumas (qualquer tipo);
  • Depressão Psicótica;
  • Ferimentos de Corte;
  • Cefaléia Intensa;
  • Dores Abdominal – Toráxica e Gástrica;
  • Diabetes Descompensada;
  • Icterícia (pele e olhor de cor amarelada, “amarelão”);
  • Cólica Renal;
  • Pé Diabético (cardiovascular);
  • Conjuntivite aguda;
  • Cliente psiquiátrico agitado e/ou violento;
  • Abstinência Alcóolica;
  • Hemorragias;
  • Queimaduras;
  • Intoxicação Alimentar e/ou Medicamentosa;
  • Afogamento;
  • Choque Elétrico;
  • AVC (Acidente Vascular Cerebral);
  • Infarto;
  • Mordedura de Animais;
  • Acidentados (moto, carro, bicicleta);
  • Picada de animais peçonhentos.

Para consultas de urgência e Emergência é necessário cliente ou responsável preencher ficha com seguintes dados: Documento de identidade (CPF e RG), Cartão SUS.

Durante as consultas não são permitidos acompanhantes, exceto para clientes menores de 18 anos, maiores de 60 anos (com autorização prévia) e para clientes debilitados.

Normas para Clientes do Pronto Atendimento:

Clientes que se encontram em observação:
– É permitido somente um acompanhante para maiores de 60 anos e menores de 18 anos, com autorização Médica por escrito;

Horário de troca de acompanhantes:
07:00 horas
15:30 horas
20:30 horas

Entrada fora do horário padrão somente com autorização da Supervisão do plantão.
– O acompanhante deverá permanecer no quarto, ao lado do cliente;
– Não é permitido chamar o acompanhante no telefone e nem na recepção;
– Não sente na cama do cliente;
– Pessoas doentes, com infecção, gripe não podem ser acompanhantes.
– As refeições dos clientes são servidas de acordo com as prescrições médicas, por isto, alguns clientes necessitam de dietas especiais com restrição à alguns alimentos e condimentos. Não é permitido oferecer ao cliente dieta diferente da prescrita e oferecida pelo Hospital;
– É proibido transitar pelo corredor (para prevenção de transmissão de infecção cruzada);
– Bolsas somente com objetos pessoais, NÃO PODEMOS NOS RESPONSABILIZAR POR SEUS BENS E VALORES, POIS O AMBIENTE HOSPITALAR ENVOLVE MUITAS PESSOAS E MUITA MOVIMENTAÇÃO DO CLIENTE.
– Não fume nas dependências do Hospital. Proibido pela lei 063, de 14/04/05;
– Horário de visitas: Todos os dias 15:30 horas às 16:00 horas – Uma pessoa por vez, podendo revezar;
– Evite trazer crianças. A idade mínima recomendável para visitas é de 12 anos;
– Somente o Médico Assistente poderá oferecer informações sobre o quadro clínico, programa de tratamento, previsão de alta e esclarecer outras dúvidas.

 

Custo do tratamento

O Hospital Bom Pastor é 100% SUS, portanto NÃO SERÁ COBRADO NENHUM VALOR para que o paciente seja tratado.
Qualquer tentativa de cobrança, seja através de ligações telefônicas ou qualquer outra abordagem devem ser denunciadas imediatamente e nenhum pagamento deve ser feito.
Mais uma vez: Não faça qualquer tipo de pagamento referente ao seu tratamento! Denuncie!

 

 

 


 

Orientações

 



Matérias relacionadas

    Final do corpo do documento e conteúdo da página